Os cães ajudam na busca por vítimas vivas ou não, e dois deles conseguiram farejar um carro com 4 pessoas vivas dentro.

Desde sexta-feira (25), depois que Barragem 1 Mina do Feijão, rompeu, equipes trabalham em busca de sobreviventes ou dos corpos das pessoas sem vida na tragédia.

Junto com os bombeiros, socorristas e policiais, os cães farejadores trabalham arduamente para ajudar a minimizar a aflição das famílias dos desaparecidos.

cãos - CÃES EM BRUMADINHO ENCONTRAM 4 PESSOAS VIVAS

Foto: Christiane Bernardes Pereira
Crédito: Eduardo Prado

Entenda mais sobre o assunto:

É um trabalho árduo, em que se busca tirar proveito das duas principais características dos cães que desempenham essa função: faro apurado e personalidade curiosa.

Antes de meter as fuças em malas, carros ou pessoas – em geral nos locais de grande fluxo de gente ou mercadorias A escolha dos cachorros para o emprego de caça-bagulhos se deu em função de seu olfato poderoso. Eles começaram a ser usados para farejar substâncias ilegais no fim dos anos 60, durante a Guerra do Vietnã (1959- 1975) “

No início, a capacidade olfativa era um fator decisivo na seleção dos animais, mas hoje o que qualifica, de fato, um cão é o seu interesse por procurar e encontrar objetos”, diz Antônio José Miranda de Magalhães, chefe do canil da Polícia Federal, em Brasília.

A unidade é o principal centro de treinamento de cães farejadores no Brasil e, desde sua criação, em 1988, já formou mais de cem “focinhos de ouro” para a função.

Fonte: Amo meu pet

O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS