Incentivadas por sua igreja, as crianças ligaram para levar uma palavra de fé às pessoas de sua comunidade em meio à pandemia.

“Posso orar por você?” Por trás desta impactante pergunta, estão crianças que foram incentivadas por sua igreja a ligar para as pessoas e levar uma palavra de fé, durante o período de isolamento social devido à pandemia de coronavírus.

O “call center” foi idealizado no Espírito Santo pelo diretores do Clube de Aventureiros e Desbravadores, um programa para crianças da Igreja Adventista do Sétimo Dia.

Pelo menos 11 pessoas receberam a ligação de Gabriel Cabral Teodoro, de 6 anos, que contou com a ajuda da mãe, Jaqueline Cabral. “Ele ligou para um técnico de enfermagem e orou com pedindo a Deus que o protegesse do vírus. O rapaz começou a chorar descontroladamente, de forma que até meu filho se emocionou”, disse a mãe ao site Notícias Adventistas.

Jaqueline acredita que a ação é essencial para o momento, quando as pessoas estão fragilizadas e sensíveis. “Nada melhor que ouvir a voz inocente de uma criança”, afirma.

As crianças foram orientadas a ligar para saber como as pessoas têm passado os dias, orar por elas e ver se elas precisam de algo. Em algumas situações, após ser constatada a necessidade, as famílias das crianças estão fazendo doações de alimentos.

“A ligação tem o objetivo de alcançar o físico, que é suprir a falta de alimento, por exemplo; o mental, através da socialização no contato ao telefone; e o espiritual, através da oração”, explica o diretor dos Ministérios de Desbravadores e Aventureiros para as regiões central e norte do Espírito Santo, pastor Carlos Eduardo Petter.

Assista:

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DAS NOTÍCIAS ADVENTISTAS

O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS