O Eclipse solar total, um importante fenômeno astronômico, ocorre na tarde desta terça-feira (2)

O Eclipse solar total, um importante fenômeno astronômico, ocorre na tarde desta terça-feira (2/07). Visível totalmente no Chile e Argentina, também será possível acompanhar pelo Brasil.

Durante o fenômeno, a Lua vai bloquear os raios solares e, por quase 2 minutos, só será possível ver a ‘coroa’ do Sol. De acordo com a Agência Espacial Americana (NASA), o eclipse solar está previsto para começar às 17h39 (horário de Brasília).

Em algumas áreas do Brasil, ele ocorre de forma parcial, já que a maior parte do país está fora da área.

Sinais

Diante de mais um sinal no ceú, cristãos aqueles que creem na Bíblia procuram novamente a refletir sobre esses acontecimentos com as profecias bíblicas sobre o fim dos tempos.

A Bíblia fala sobre os sinais do fim dos tempos e da volta de Jesus. Durante seu ministério terreno, o próprio Jesus indicou os sinais que precederão a sua vinda e a consumação dos séculos, como: a pregação do Evangelho, as perseguições, o surgimento de falsos profetas, os desastres naturais, as pestes e as guerras.

Os sinais do fim dos tempos e a decadência religiosa

A Bíblia Sagrada diz que o surgimento de falsos cristos e falsos profetas seria um dos sinais do fim dos tempos e da volta de Jesus. Essas pessoas se levantariam com o objetivo de enganar muita gente. Elas fariam grandes sinais e prodígios que serão tão convincentes que, se possível, enganariam até os escolhidos (Mateus 24:24).

Mas nosso consolo é que isto não é possível. Os falsos profetas e os falsos cristos não são capazes de enganar os verdadeiros salvos em Jesus Cristo. Isto porque a Bíblia diz que os redimidos são preservados pelo próprio Deus; Ele é quem mantém seu povo firme (João 10:28,29; 1 Coríntios 1:8).

O aparecimento de falsos cristos e falsos profetas está diretamente ligado à apostasia. Os termos originais gregos utilizados no Novo Testamento para descrever a apostasia, transmitem a ideia de um abandono de forma consciente da fé, de modo que ocorre uma rejeição à verdade das Escrituras. Esse comportamento reflete um estado de rebelião e revolta contra o próprio Deus.

Todo falso profeta, falso mestre ou falso cristo é um apóstata. Essas pessoas conhecem a verdade da Palavra de Deus a ponto de negá-la e, por fim, distorcê-la, originando um falso evangelho, e semeando doutrinas de demônios entre as pessoas (1 Timóteo 4:1). O apóstolo Paulo escreve dizendo que uma grande apostasia será um dos sinais do fim dos tempos e da volta de Jesus (2 Tessalonicenses 2:3).

Os sinais do fim dos tempos e a pregação do Evangelho

Jesus avisou que o fim haveria de vir quando o Evangelho fosse pregado em toda parte do mundo (Mateus 24:14). Atualmente existem missionários pregando o Evangelho em todas as nações do planeta. O sinal está se cumprindo!

Mas se por um lado Jesus disse que o Evangelho seria propagado por todas as nações, por outro lado Ele também disse que a Igreja seria duramente perseguida. Essa perseguição também é um sinal do fim dos tempos e da volta de Jesus (Mateus 24:9,10; Marcos 13:9-13).

Os seguidores de Cristo são perseguidos deste o século primeiro. O cristianismo é a religião que produziu a maior quantidade de mártires na História da humanidade. Mas pelo alerta do Senhor Jesus, é possível entender que nos últimos dias essa perseguição seria intensificada.

Vale lembrar também que não existe apenas a perseguição física, mas também a perseguição moral. Enquanto em algumas partes do mundo alguns cristãos são torturados e levados à morte, em outras partes muitos cristãos são perseguidos moralmente. De forma geral, essas perseguições apontam para o fim dos tempos e a volta de Jesus. Em algum sentido, todos os cristãos enfrentam algum tipo de perseguição ao longo de suas vidas.

Os sinais do fim dos tempos no céu e na terra

O final dos tempos também será anunciado pela ocorrência intensificada de desastres naturais e calamidades, como: terremotos, fomes, pestilências e coisas espantosas (Lucas 21:25). A história dos últimos dois mil anos comprova que cada vez mais os desastres naturais estão se intensificando. Além disso, apesar de todo avanço tecnológico e científico, a humanidade não consegue vencer a fome e as pestes. De fato o homem nunca poderá resolver tais problemas, pois eles são sinais do fim dos tempos e da volta de Jesus.

Além dos desastres naturais e das calamidades humanas, a Bíblia diz que os conflitos e as guerras mundo a fora também serviriam como sinais da volta de Jesus e do fim dos tempos (Mateus 24:6,7).

Jesus disse que também haverá “grandes sinais do céu” (Lucas 21:25). O texto bíblico não explica exatamente a natureza desses sinais. Alguns estudiosos acreditam que tais sinais estejam relacionados possivelmente aos próprios desastres naturais, como eclipses, terremotos, tsunamis, luas de sangue, etc. Outros defendem que os “grandes sinais do céu” referem-se especificamente ao momento da volta de Cristo.

Seja como for, Jesus disse que no dia de sua vinda haverá sinais no sol, na lua e nas estrelas. O sol e a lua se escurecerão, as estrelas caíram do céu e as potências do céu serão abaladas. Então nessa ocasião aparecerá no céu o sinal do Filho do homem. Esse sinal será o próprio Cristo vindo sobre as nuvens com grande poder e glória (Mateus 24:30, Marcos 13:24-26 e Lucas 21:26,27). Saiba mais sobre como será a segunda vinda de Cristo.

Como devemos interpretar os sinais da volta de Jesus?

Sem dúvida o sermão escatológico de Jesus registrado nos Evangelhos Sinóticos é o texto bíblico que apresenta de forma mais detalhada os sinais da volta de Jesus e do fim dos tempos (Mateus 24; Marcos 13; Lucas 21). Mas apesar de Jesus fornecer informações importantíssimas sobre sua volta e indicar quais são os sinais do fim dos tempos, Ele não revelou uma data específica para o fim.

Portanto, nós devemos interpretar os sinais da volta de Jesus exatamente de acordo com seu propósito. Em primeiro lugar, precisamos entender que eles não devem servir como base para a criação de teorias fantasiosas. Não há nada de oculto ou enigmático em relação aos sinais do fim dos tempos. Tudo o que tinha que ser revelado nesse sentido já foi revelado e está registrado nas Escrituras (Marcos 13:23).

Consequentemente, em segundo lugar, esses sinais não nos permitem especular sobre quando será a volta de Jesus. Infelizmente a cada desastre natural, a cada guerra e até a cada eclipse, muitas pessoas se empenham em tentar determinar algo que só pertence a Deus. Essas pessoas falham em entender o verdadeiro significado dos sinais do fim dos tempos. Esses sinais simplesmente servem de alerta e mostram com clareza que tudo o que foi anunciado na Palavra de Deus está se cumprindo. Os sinais do fim dos tempos apontam para a realidade inadiável da volta de Jesus.

 

Fonte: Notícias Gospel

RECOMENDAMOS


O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS