Cantor comprou tudo no Centro de Campo Grande e fez questão de entregar pessoalmente

O cantor Raphael Calux Munhoz Pinheiro, mais conhecido como Munhoz pelos fãs e “Frango” pelos amigos mais próximos, literalmente, parou o Jardim Anache, nesta segunda-feira. No famoso dia de folga para músicos, o sertanejo aproveitou para encher um caminhão com brinquedos e alegrar o Natal da criançada da região norte de Campo Grande. Na ação também foram entregues 300 panetones.

Por conta própria, o segunda voz da dupla com Mariano, desceu no Centro de Campo Grande e na loja de utilidades Giga fez uma verdadeira festa. “Entrei e perguntei quantas bolas tem aqui? O vendedor disse 50 e eu respondi são todas minhas! Fui comprando tudo em grande quantidade e enchemos o caminhão de brinquedos”, conta.

O caminhão ficou estacionado na Mercadão Municipal enquanto o músico fazia as compras e depois foi estacionado em frente à loja na Avenida Afonso Pena para ser carregado.

O veículo foi conduzido pelo cantor até sua casa no Jardim Veraneio, onde mais amigos o encontraram para seguir até a região norte da cidade. O caminhão de brinquedos e uma caminhonete com panetones foram escoltados por policiais do Garras (Delegacia Especializada em Repressão de Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros), amigos de Munhoz.

Diversão

Em dia de folga, Munhoz pega caminhão emprestado e vira Papai Noel no Anache
Cantor comprou tudo no Centro de Campo Grande e fez questão de entregar pessoalmente
Danielle Valentim

 

Multidão logo obrigou mais gente sumir no caminhão para ajudar nas entregas. (Foto: Paulo Francis)

O cantor Raphael Calux Munhoz Pinheiro, mais conhecido como Munhoz pelos fãs e “Frango” pelos amigos mais próximos, literalmente, parou o Jardim Anache, nesta segunda-feira. No famoso dia de folga para músicos, o sertanejo aproveitou para encher um caminhão com brinquedos e alegrar o Natal da criançada da região norte de Campo Grande. Na ação também foram entregues 300 panetones.

PUBLICIDADE

Por conta própria, o segunda voz da dupla com Mariano, desceu no Centro de Campo Grande e na loja de utilidades Giga fez uma verdadeira festa. “Entrei e perguntei quantas bolas tem aqui? O vendedor disse 50 e eu respondi são todas minhas! Fui comprando tudo em grande quantidade e enchemos o caminhão de brinquedos”, conta.

O caminhão ficou estacionado na Mercadão Municipal enquanto o músico fazia as compras e depois foi estacionado em frente à loja na Avenida Afonso Pena para ser carregado.

O veículo foi conduzido pelo cantor até sua casa no Jardim Veraneio, onde mais amigos o encontraram para seguir até a região norte da cidade. O caminhão de brinquedos e uma caminhonete com panetones foram escoltados por policiais do Garras (Delegacia Especializada em Repressão de Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros), amigos de Munhoz.

Essa é a quinta ação realizada por “Frango”. Desde que os shows se intensificaram e a correria deixou o cantor mais fora de casa, todos os anos, uma ação diferente é programada. No ano passado, teve a roda de “Roda de Tereré do Munhoz”, na Cidade do Natal, em que os participantes levavam brinquedos para serem doados posteriormente.

“Mas esse ano foi diferente. Na semana passada eu realizei um torneio de pocker beneficente que é uma ideia que surgiu junto com Fernando e Sorocaba, só que era em São Paulo. O Fernando me falou: por que você não faz em Campo Grande? Então falei com uns amigos meus, donos Up Poker Clube e eles toparam. Era um torneio para 72 competidores foram 66, mas em plena terça-feira conseguimos arrecadar R$ 10,3 mil, que foi 30% do total arrecadado no evento para comprar os presentes”, explica.

Quando o cantor chegou à Rua Francisco Pereira Coutinho centenas de crianças já o aguardavam em frente a uma ONG da região. Apesar do espaço estar localizado no Jardim Anache, crianças do Nova Lima, Colúmbia e Vida Nova também garantiram presentes.

Felipe Cavalheiro Martins, de 10 anos, foi a primeira criança a receber o presente. O garoto recebeu uma bola e na fila mesmo começou a brincar.

Diversão

Em dia de folga, Munhoz pega caminhão emprestado e vira Papai Noel no Anache
Cantor comprou tudo no Centro de Campo Grande e fez questão de entregar pessoalmente
Danielle Valentim

Imprimir Enviar por E-mail

Multidão logo obrigou mais gente sumir no caminhão para ajudar nas entregas. (Foto: Paulo Francis)

O cantor Raphael Calux Munhoz Pinheiro, mais conhecido como Munhoz pelos fãs e “Frango” pelos amigos mais próximos, literalmente, parou o Jardim Anache, nesta segunda-feira. No famoso dia de folga para músicos, o sertanejo aproveitou para encher um caminhão com brinquedos e alegrar o Natal da criançada da região norte de Campo Grande. Na ação também foram entregues 300 panetones.

PUBLICIDADE

Por conta própria, o segunda voz da dupla com Mariano, desceu no Centro de Campo Grande e na loja de utilidades Giga fez uma verdadeira festa. “Entrei e perguntei quantas bolas tem aqui? O vendedor disse 50 e eu respondi são todas minhas! Fui comprando tudo em grande quantidade e enchemos o caminhão de brinquedos”, conta.

O caminhão ficou estacionado na Mercadão Municipal enquanto o músico fazia as compras e depois foi estacionado em frente à loja na Avenida Afonso Pena para ser carregado.

O veículo foi conduzido pelo cantor até sua casa no Jardim Veraneio, onde mais amigos o encontraram para seguir até a região norte da cidade. O caminhão de brinquedos e uma caminhonete com panetones foram escoltados por policiais do Garras (Delegacia Especializada em Repressão de Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros), amigos de Munhoz.

Essa é a quinta ação realizada por “Frango”. Desde que os shows se intensificaram e a correria deixou o cantor mais fora de casa, todos os anos, uma ação diferente é programada. No ano passado, teve a roda de “Roda de Tereré do Munhoz”, na Cidade do Natal, em que os participantes levavam brinquedos para serem doados posteriormente.

“Mas esse ano foi diferente. Na semana passada eu realizei um torneio de pocker beneficente que é uma ideia que surgiu junto com Fernando e Sorocaba, só que era em São Paulo. O Fernando me falou: por que você não faz em Campo Grande? Então falei com uns amigos meus, donos Up Poker Clube e eles toparam. Era um torneio para 72 competidores foram 66, mas em plena terça-feira conseguimos arrecadar R$ 10,3 mil, que foi 30% do total arrecadado no evento para comprar os presentes”, explica.

Quando o cantor chegou à Rua Francisco Pereira Coutinho centenas de crianças já o aguardavam em frente a uma ONG da região. Apesar do espaço estar localizado no Jardim Anache, crianças do Nova Lima, Colúmbia e Vida Nova também garantiram presentes.

Felipe Cavalheiro Martins, de 10 anos, foi a primeira criança a receber o presente. O garoto recebeu uma bola e na fila mesmo começou a brincar.

“Eu moro no Nova Lima e tenho mais 5 irmãos. Estou muito feliz. Já treino futsal, mas é bom ter uma bola de campo”, contou.

O adolescente Kauã Porto, de 12 anos, garantiu uma senha e pegou seu presente. “Fiquei feliz de conseguir uma bola”, contou.

A pequena Nicole Ribeiro, de 6 anos, mora no Jardim Anache e tem um irmão. A menina chegou a ganhar uma boneca, mas na verdade trocou por uma bola. “Eu dou canetinha até no meu pai. Prefiro bola a boneca”, frisou.

A tia da garota, a cozinheira Gisele Ventura, de 26 anos, estava muito animada com a ação protagonizada pelo cantor. “Isso é bpom para que outras pessoas que têm condições façam o mesmo”, pontua.

Munhoz sempre passa o Natal com a família, mas após a festa já volta para estrada para cumprir agenda até o Revéillon. Neste ano, a filha fica longe junto à mãe no Mato Grosso.

“Infelizmente minha filha não vem para cá, para passar comigo. Ela mora em Tapurah (MT) com a mãe dela. Eu toco no dia 1º de janeiro, mas depois encontro minha filha para curtir o restante das férias”, explica.

DVD 10 anos – Campo Grande pode se preparar porque 2020 promete. Munhoz adiantou que a dupla planeja a gravação de DVD de 10 anos, em Campo Grande. “Não tem data concreta, mas a gente quer gravar um DVD em Campo Grande”.

A dupla acaba de lançar um projeto que basicamente faz um levantamento sobre quais músicas a galera quer ouvir de Munhoz e Mariano. O cantor garante que o trabalho chega com uma roupagem mais madura.

“Então resgatamos alguns trabalhos do início da carreira, lançamos coisa inédita, o trabalho foi muito bem aceito e acredito que para o ano que vem, os 10 anos de Munhoz e Mariano vem bem legal, inclusive com participações especiais”, frisa

RECOMENDAMOS



O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS