Luke Hanoman, de 28 anos, tem “sorte de estar vivo” e quer conscientizar outras pessoas sobre a condição após o susto

Os médicos foram unânimes ao dizer que o jovem Luke Hanoman, de 28 anos, tem “sorte de estar vivo”. O rapaz é do Reino Unido e começou a apresentar sintomas parecidos com o da gripe, depois de arrancar a cutícula com os dentes, hábito que havia desenvolvido e que vemos ser comuns entre os jovens, especialmente os ansiosos.

O problema é que, a cutícula é uma proteção da unha. É ela que evita germes, bactérias de entrarem na corrente sanguínea e ao puxar com os dentes, o rapaz acabou machucando o local e com isso desenvolveu uma sepse (infecção) e teve que passar 4 dias no hospital sobre vigilância e cuidados constantes.

O rapaz que tem duas filhas tinha o hábito de roer unhas e cutícula em momentos de extrema ansiedade. O que culminou em sua ida ao hospital foi o fato de começar a sentir calafrios, suor frio e febre. Um dos dedos da mão também apresentou inchaço e latejamento. Preocupada a mãe acionou o resgate e ele foi levado imediatamente ao pronto socorro.

“Eu quase tive um choque séptico. Eles me disseram que eu tinha sorte de estar vivo. Eventualmente, eles chegaram até a infecção no meu dedo e conseguiram remover todo o pus“, diz Luke.

Hoje o rapaz está completamente recuperado e disse ao Daily Mail que quer conscientizar pessoas a deixarem o hábito e também sobre o que é sepse, porque antes de acontecer com ele, não sabia do que se tratava e que era possível ter algo em condições que pareciam ser tão inocentes.

RECOMENDAMOS


O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS