Os membros de uma igreja brasileira vieram visitar as famílias para lhes oferecer a Palavra de Deus e apoio espiritual, em um “mini-serviço” da porta das casas.

O pastor da Igreja Chama, acompanhado por dois músicos (cantor e guitarrista), visita famílias que telefonam para pedir oração. Da calçada, com segurança, respeitando o distanciamento social, eles mantêm um momento de oração, louvor e uma palavra bíblica para ‘alimentar a fé’ da família.

O projeto da igreja, chamado “Oração à porta”, busca trazer encorajamento, esperança e apoio espiritual, através da oração e louvor ao lar dos fiéis.

“O objetivo é dizer a cada família isolada que não está sozinha. Levamos uma mensagem de fé, encorajamento e apoio. Dizemos a eles que você tem alguém que ama e se importa com eles. E que nos momentos em que nos sentimos sozinhos e deprimidos, existe um Deus que é uma ajuda muito presente na angústia ”, destaca o pastor da igreja, Richard Mattos.

“Nos sentimos como soldados em uma missão, realizamos uma missão de resgate todos os dias. Existem várias pessoas aterrorizadas, doentes, deprimidas, desempregadas e com o coração partido. Um ambiente de guerra, a devastação emocional de tudo isso é sem precedentes. Sentimos uma tremenda o ônus da compaixão “em nossos corações por nosso povo”, enfatiza Mattos.

A cantora Alison Rabelo, uma das voluntárias do projeto, enfatiza que é bom ser um “instrumento” de Deus para trazer paz em momentos de desespero.

“A música é algo divino e uma linguagem universal, especialmente nesses dias de desespero. A sensação que tenho é que estou carregando uma mensagem de Deus através de um canal que ele criou, a música. O talento que ele me deu está sendo bem utilizado. E percebemos que alcançamos várias pessoas, católicos, evangélicos, pessoas de outras denominações e também que elas não têm conexão com nenhuma religião “, afirmou.

Várias pessoas testemunharam que foram abençoadas com a visita dos irmãos. Elizangela Mota, que estava com Covid-19 com sua mãe e irmã, telefonou e pediu oração em um momento de grande tristeza.

“Eu tinha medo de perder minha mãe de 92 anos, que tem comorbidades, exceto que ela tinha medo de dormir e não respirar mais, mas depois da oração em frente à casa, nos acalmamos e minha mãe está melhor e nós três estamos saindo. se recuperando do coronavírus ”, testemunhou.

Uma professora também foi uma das pessoas que pediram oração em frente a sua casa. “Minha família e eu sentimos o amor e a proteção de Deus através do cuidado e amor de nossos irmãos.”

Após as orações em frente às casas, o grupo de cristãos percorre as ruas do bairro com o “carro de oração” louvando e compartilhando palavras de fé para quem está dentro da casa, respeitando o limite de volume do som permitido por lei. , para não incomodar os vizinhos.

Fonte: AcontecerCristiano.Net

O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS