O pastor e autor evangélico Max Lucado está incentivando os cristãos a escolher a fé em vez do medo e considerar o que Deus pode estar dizendo a eles enquanto o coronavírus continua a se espalhar nos Estados Unidos e em todo o mundo.

“Nunca vivemos um tempo como este. Isso é sem precedentes. No entanto, a Bíblia nos diz que os tempos foram semelhantes antes. Você abre a Bíblia e lê sobre pestilência, medos e tempos sombrios. A Bíblia é escrita para momentos como esse. este “, disse Lucado ao Christian Post.

Lucado, pastor da Igreja de Oak Hills, em San Antonio, Texas, incentivou todos os crentes a se perguntar: “Senhor, o que você está me dizendo durante esta crise?” e enfatizou que Deus está “falando ao mundo” através da pandemia de coronavírus.

“Acho que é um momento em que precisamos nutrir nossa fé”, continuou ele. “Se você alimentar sua fé, seus medos morrerão de fome. Se você alimentar seus medos, sua fé morrerá de fome. Nossa tendência é alimentar nossos medos. Temos que fazer coisas intencionais para alimentar nossa fé “.

A escolha da fé sobre o medo, no meio de atacar as manchetes negativas, começa com o gerenciamento do pensamento, disse o pastor.

“Quando assisto ao noticiário hoje à noite, ouvirei alguém dizer que as coisas estão piorando. Se não me proteger, deixarei que isso crie um sentimento de ansiedade que enche meu coração e depois o transmito a outras pessoas”, explicou.

Lucado apontou que em 2 Coríntios, o apóstolo Paulo exorta os crentes a “capturar todo pensamento para torná-lo obediente a Cristo”.

“Isso significa que ouvimos esse pensamento e depois oramos: ‘Eu sei que parece que as coisas estão piorando, mas Senhor, você está no controle e eu não vou ceder a isso. Eu te dou meu medo ”, disse ele.

“Em vez de permitir ansiedade em seu coração, a fé entra em seu coração; então, mais tarde você dirá: ‘As coisas são difíceis, mas eu acredito em um Deus bom’. Então você se torna alguém que transmite esperança em vez de medo”, Lucado disse.

“Em tempos de calamidade, os cristãos devem se esforçar para” manter as Bíblias e os corações abertos “mais do que nunca, recomendou o pastor.

“Temos situações como essa na história e isso acontecerá novamente”, afirmou. “Não sei se isso é uma indicação de que estamos perto do fim do mundo como o conhecemos, mas poderia ser. Ninguém sabe. Mas é um lembrete para que voltemos nossos corações para Deus”.

Fonte: AcontecerCristiano.Net

O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS