Um tribunal indonésio condenou um pastor a passar quatro anos na prisão e a pagar uma multa, apenas por compartilhar sua fé com um muçulmano.

O pastor, Abraham Ben Moses, um ex-muçulmano, foi preso em dezembro, depois que um vídeo mostrou a conversa com um motorista de táxi muçulmano, onde ele cita versos do Alcorão e fala sobre Salvação em Cristo.

O juiz que viu o caso disse que o pastor “divulgou intencionalmente informações destinadas a incitar o ódio contra um indivíduo, grupo e sociedade baseados na religião”.

Os promotores pediram uma sentença de cinco anos. No entanto, a equipe jurídica de Moisés deve apelar contra a sentença de quatro anos. “A sentença é muito dura para o acusado”, disse sua advogada Maxie Ellia.

Em um vídeo de seu testemunho publicado pela The Voice of the Martyrs, Moses diz: “Compartilhei a palavra de Jesus Cristo para que todos possam ser salvos … Tenho minha força em Jesus, ele é meu melhor amigo e nunca me deixará”.

Uma porta-voz da International Christian Concern, Gina Goh, com sede nos EUA, disse em um comunicado: “O governo indonésio deve rever a lei de blasfêmia do país, à medida que grupos muçulmanos radicais estão cada vez mais explorando-a para atacar. indivíduos que consideram ofensivos e teologicamente offline “.

O Ministério das Portas Abertas relata que a situação dos cristãos na Indonésia nos últimos anos piorou. Isso é particularmente forte em lugares como Java Ocidental, onde grupos islâmicos são poderosos e têm grande influência política.

Fonte: AcontecerCristiano.Net

Tradução: O Leão de Judá

O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS