A doença de Parkinson é considerada uma enfermidade progressiva e incurável que atinge o sistema nervoso central, embora atualmente já existam medicamentos capazes de controlar os seus sintomas, de modo a oferecer maior qualidade de vida aos seus portadores.

O testemunho de um pastor americano, no entanto, vai na contramão da lógica médica, porque uma vez diagnosticado com a doença de Parkinson, o líder religioso terminou curado após uma oração de libertação espiritual, o que chamou atenção do seu médico, incapaz de compreender como foi possível a cura do seu paciente.

O pastor Robbie Willis conviveu com os sintomas da doença de Parkinson por cerca de dez anos. Aos 38 anos, a evolução da doença ocorreu de modo rápido, visto que ele já não conseguia ficar de pé por muito tempo. O seu diagnóstico, porém, foi dado em 2016.

Robbie apresentava fortes tremores por todo o seu corpo e problemas de memória. Ele estava perdendo o controle das suas funções básicas, psíquica e motora, mas apesar disso o pastor sabia que podia obter a cura do Parkinson.

“A partir do momento em que percebi a doença que eu tinha, acreditava que Deus me curaria. No entanto, esse medo persistente não sumia”, disse ele, segundo informações do portal de notícias AG News.

“As funções cognitivas estavam piorando”, disse Anna May, esposa do pastor Robbie. “Houve dias em que sabíamos que Deus iria curá-lo e dias em que eu não sabia, mesmo nos dias em que eu sabia, ele ainda estava doente… ainda escapando de mim… e chegara ao ponto em que ele não podia mais cuidar de mim; Eu tive que cuidar dele”.

A cura do Parkinson

A história do pastor Robbie mudou quando uma senhora chamada Mary Davis, de 73 anos, sonhou orando pela vida do líder religioso. Ela não é membro da sua congregação, mas o conhecia, porque visitava a igreja do pastor sempre que ia à sua cidade.

“Eu nunca estive na igreja do Robbie, mas sonhei que estava ali, sentada do lado esquerdo, e o irmão Robbie veio e ficou atrás do púlpito. Me levantei e disse: ‘Irmão Robbie, venho orar por você’. E então eu acordei”, disse a idosa.

Ao conversar com seu pastor, Mary foi aconselhada a ir ao encontro de Robbie e orar por ele. Esse encontro ocorreu em outubro de 2017. A idosa orou diante de toda a congregação.

“Eu literalmente falei com a doença dele”, lembra Mary. “Eu disse que era algo mau, não de Deus, que não tinha lugar no corpo dele, que era um inimigo e, de acordo com a Palavra de Deus, nenhum inimigo poderia ficar na presença de Jesus. Eu então ordenei que a doença deixasse o corpo dele e nunca mais voltasse”.

De fato, o pastor Robbie foi curado do Parkinson naquele dia. Ele deixou de apresentar todos os sintomas da doença, até então incurável, três dias após a oração. Ao retornar para seu médico com novos exames, o profissional de saúde questionou o que o pastor havia feito de diferente. A sua resposta foi simples: “Apenas oração”.

Fonte: Gospel +

RECOMENDAMOS


O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS