A pastora descumpriu o decreto da prefeitura que proíbe eventos com mais de 100 pessoas

Em São José do Rio Preto (SP), uma pastora de 44 anos foi levada para delegacia após descumprir o decreto da prefeitura que proibe eventos com mais de 100 pessoas por causa da pandemia do coronavírus.

A polícia foi acionada pela Vigilância Sanitária a comparecer no local, de acodo com o boletim de ocorrência.

Mais de 100 pessoas estava no culto, disse o fiscal da Vigilância Sanitária, descumprindo o que passou a ser proibido pela prefeitura desde o dia 16 de março.

A pastora foi levada até o Plantão Policial e foi registrado um boletim de ocorrência como infreação de medida sanitária preventiva. O caso aconteceu na última sexta-feira (20).

O Ministério da Saúde informou, neste domingo (22), que o número de casos confirmados de covid-19, a doença provocada pelo novo coronavírus, chegou a 1.546. No sábado, os doentes eram 1.128 pessoas.

O estado de São Paulo registra a maioria dos casos confirmados e suspeito, e é por isso que algumas medidas preventivas foram tomadas pelo governo do estado.

Fonte e texto: O Fuxico Gospel

O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS