Priscilla também afirmou que nunca viu Jesus definir um padrão de salvação ou de condenação

A cantora gospel Priscilla Alcantara mais uma vez foi uma das convidadas do apresentador Pedro Bial para o programa ‘Conversa com Bial.’

No programa que foi apresentado no último dia 5 de junho, Priscilla e Winderson Nunes foram os convidados, e foram entrevistado on-line, cada um de sua casa.

Na oportunidade a cantora explicou o que era reunião de célula e criticou a religiosidade. Sobre suas reuniões de células ela disse que as são para promover momentos mais íntimos com Deus.

Priscilla Alcantara começou na música gospel e depois fez questão de não ser classificada como cantora gospel, ela sempre foi alvo de muitas críticas por não ter um comportamento “cristão”, na opnião de muitos evangélicos.

Em sua última live Priscilla recebeu inúmeras críticas por cantar músicas do segmento secular, como canções de : Sandy & Junior, RBD, Rouge, Calypso, Los Hermanos e Spice Girls, Charlie Brown Jr. entre outros.

Bial perguntou a cantora porque a maioria dos evangélicos criticaram a sua live e ela disse que tudo não passa de religiosidade, e para ela não faz sentido.

“Existe a hiper religiosidade que é o fanatismo religioso, que eu acho que ele acontece quando você passa a se importar com as coisas que Cristo se importou pouco, e se importar pouco com as coisas que Cristo se importou muito”.

Priscilla afimou que nunca viu Jesus definir um padrão de salvação ou de condenação a partir da música que alguém ouve, e disse que quando consume uma arte procura nela o padrão de verdade, bondade, e beleza, e não se ela é gospel ou secular.

Para colocar mais lenha na fogueira o apresentador cita uma passagem que Jesus falou e faz um questionamento para a artista:

“Jesus disse: A Deus o que é de Deus e a César o que é de César, mas há muitos líderes evangélicos que misturam política e religião, vou dar dois exemplos aqui: Marco Feliciano e Silas Malafaia, que vivem descendo o pau em você”, disse ele.

Bial finalizou perguntando a Priscila por que ela incomodava tanto os dois pastores, e segundo a cantora era porque ela parecia com Jesus, na verdade por que estava sendo como Jesus.

Entrevista disponível no Globoplay.

Via: O Fuxico Gospel

O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS