Quanto mais notícias boas eu leio, mais eu me convenço que o mundo tem jeito e que a gentileza é o melhor exemplo de educação que um professor pode dar a um aluno!

Um professor provou que pode ser muito mais do que um educador de uma matéria só, ele pode ser um exemplo de gentileza, inclusão, e um forte incentivador para que outros colegas de profissão possam agir de forma igualmente inclusiva com suas alunas/mães.

O cenário de gravidez na adolescência, ou de maternidade durante a formação escolar já foi amplamente discutido e divulgado, e é uma realidade! É preciso que se faça um trabalho de conscientização para que “meninas” se protejam nas relações sexuais caso não tenham o interesse de serem mães.

O fato é que muitas mulheres acabam engravidando antes de terminarem os estudos, e a maioria tenta conciliar os estudos, mas boa parte delas acabam abandonando pois não conseguem dar conta das duas tarefas que são extremamente desafiadoras.

Pensando nessa dificuldade que muitas meninas passam, o professor Joserrí De Oliveira Lucena extremamente sensível segurou a filha de uma aluna, a Maria Eduarda, durante a aula para que ela pudesse fazer suas atividades tranquilamente, e quando indagado sobre a atitude que teve, disse:

“LUGAR DE MULHER É ONDE ELA QUISER”, AFIRMOU.

O vídeo/entrevista feito pelo SNB onde ele fala sobre o ocorrido viralizou e já é um exemplo para os professores do mundo todo, assistam:

O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS