Quanto a esta bagunça toda, Deus vai ajeitar tudo disso não tenho dúvidas, mas eu preciso te falar a respeito desta tempestade, e o porque dela. Preciso te alertar sobre os sinais, e te fazer entender que nada em nossa vida acontece de repente ou por acaso, nenhum vento sopra sem fazer barulho, e ninguém é tão ingênuo a ponto de não perceber o mal escondido no coração de alguns, infelizmente.

Nem todos estão preparados para entrar em nossa intimidade e conhecer toda nossa casa.

Nem todos são amigos ou se importam verdadeiramente com a gente, nem todos são bons, honestos, leais e sinceros, nem todos, por mais próximos que estejam, querem o nosso bem, ou torcem pelo nosso sucesso.

Lamento te dizer isso, mas o coração humano quando não alicerçado no amor de Deus, e na vontade dEle se torna perverso ao ponto de ferir quem o abriga, e quando ignoramos os sinais, nos tornamos vulneráveis a ruindade alheia. Às vezes, pelo excesso de sentimentos, ou pelo desespero abrimos portas que não deveríamos, e confidenciamos nossas dores a pessoas que só mereciam o nosso amor e respeito.

As tempestades quando encontram as portas abertas tiram tudo do lugar sem ordem ou consideração, e se você for capaz de ver isto, e aprender a fechar portas, vai entender que muitas de suas lutas e sofrimentos foram gerados pela sua falta de percepção. Tem coisas em nossa vida que só cabe a Deus conhecer.

Por: Cecilia Sfalsin

O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS