O cristão deve pensar com cuidado sobre o yoga antes de decidir se vai praticar. É importante sempre tomar cuidado com coisas que podem ter uma influência espiritual contrária à Bíblia.

O que é yoga?

O tipo de yoga mais conhecido é uma série de práticas físicas que pretendem melhorar o estado físico e espiritual de uma pessoa. O yoga ensina técnicas de relaxamento, boa respiração e posições para fortalecer o corpo. Também pode incluir meditação para esvaziar a mente e outros elementos de espiritualidade oriental.

O yoga é fortemente enraizado no hinduísmo. Seu objetivo original é ajudar as pessoas a atingir um estado espiritual de união completa com o resto do universo. Isso vem da idéia que tudo no universo é divino e está ligado ao divino e que a identidade individual é uma ilusão. Esse ensinamento não é bíblico. A Bíblia diz que só há um Deus e que a Criação reflete sua glória mas não é divina como Ele (Salmos 148:13). Deus criou cada pessoa como um indivíduo ligado ao resto do mundo mas com uma identidade distinta e especial.

Yoga e o cristão
O yoga está quase sempre associado de alguma forma à espiritualidade hindu. Será melhor evitar todas as formas de yoga mais espirituais. Se o yoga lhe incomoda ou causa dúvidas, não pratique. Há muitas outras formas de se manter saudável e reduzir o estresse.

Caso você decida praticar yoga:

Ore – dedique seu tempo sempre a Deus, mesmo se durante a sessão pedirem para dedicar a outra coisa. Peça a proteção de Deus de qualquer influência maligna.
Pense em Deus – em vez de esvaziar a mente completamente, pense sobre Deus, alguma qualidade sua ou um versículo da Bíblia (Salmos 77:12).
Fique atento – se alguma parte da aula de yoga lhe incomoda, não faça. Não se sinta pressionado a fazer tudo, siga sua consciência (Romanos 14:22).

RECOMENDAMOS



O Leão de Judá
Judá, a ti te louvarão os teus irmãos; a tua mão será sobre o pescoço de seus inimigos; os filhos de teu pai a ti se inclinarão. Judá é um leãozinho. (g49:8)

COMENTÁRIOS